sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

Barbie - Colecção dos Filmes

Como se aproxima o Natal, decidi escrever esta publicação contendo fotografias da minha colecção de bonecas dos filmes da Barbie, com isto excluiu os playsets e a cavalaria que eu tenho (muitos cavalos da Barbie eu tenho e nem sem bem porquê, nunca fui louca por cavalos). Gosto destas publicações, isto pois  é uma forma de eu poder rever a bonecada que eu e a minha irmã acumulamos ao longo dos ano. Remetendo a Natal, acho que muitas pessoas, lembram-se dos dos filmes da Barbie serem lançados perto do Natal e com isso a colecção alusiva aos filmes. E como tudo da Mattel, com o tempo foi perdendo qualidade e interesse, por isso parei de colecionar quando perdi o interesse nas bonecas.

Apresento portando bonecas desde a Barbie as Rapunzel (2002) até Barbie & the Diamond Castle (2008). Fico com pena por não ter tido do Quebra Nozes mas na época eu só tinha quatro anos e a minha irmã era bebé, não era habitual dar bonecas tão detalhadas a crianças da nossa idade.  Mas aqui ficam seis anos a coleccionar as Barbies alusivas aos filmes.

Barbie as Rapunzel (2002)

Eu gosto bastante do filme da Rapunzel, contudo quanto a bonecas é o da Era de Ouro que menos gosto, acho que não teve o mesmo encanto e detalhe que os outros. Ainda assim tenho além da Rapunzel, tenho o príncipe Stefan (que está vestido de Julian de momento), tenho a torre e a carruagem. 


Barbie and the Swan Lake (2003)

Barbie e o Lago dos Cisnes acho que é mesmo encantador, seja o filme, sejam as bonecas. Neste caso além da Odette e do Daniel (que veio acompanhada com essa preciosidade que é a Odette em cisne, e que partiu o pescoço umas quantas vezes) ainda tenho o castelo. Fiquem com pena de não ter tido a Rainha das Fadas e os duendes e as fadas, que são extremamente detalhados para o tamanho que têm (o que é uma pena que hoje em dia a Chelsea vem com roupas pintadas).


domingo, 26 de novembro de 2017

Monster High - Colecção Originais Parte I

Nas férias de Verão aproveitei e tirei algumas fotos às minhas bonecas que tenho expostas numa estante. Divido estes posts entre um dedicado somente às basics das Monster High (as bonecas com as roupas consideradas originais), outro com todas as Ever After High que tenho e outro dedicado às bonecas (e somente as bonecas, nada de castelos ou carruagens) que tenho das Barbies dos filmes.



Tenho ao total 33 bonecas das Monster High sendo do qual 28 são as versões originais que são as minhas favoritas e enquanto colecionei foram o meu intuito. Enquanto as Ever After High bem quis continuar a colecionar, as Monster High deixei mesmo, isto pois a qualidade e originalidade foi sempre o factor de referência para mim e após 13 Wishes, já com Frights, Camera, Action! achei que havia-se perdido aquele factor Freaky just got Fabulous que sempre gostei. A Mattel começou a querer agradar e com isso recebemos personagens sem personalidade, muito cor de rosa e nem falo do factor da queda de qualidade de produção. Muitas das vezes as ideias estavam lá mas perdeu-se os detalhes, as roupas elaboradas com todos os seus layers e os pormenores pintados que tanto gostava tal como os minúsculos acessórios. A colecção com que fiquei foram as personagens que claramente foram bem pensada e que a Mattel preocupa-se realmente com o sucesso de vendas.
Eu já redesenhei algumas das roupas e sei que muitas das personagens tinham potencial, mas quiseram poupar nos custos e só pensar nos lucros e deu no que deu. São poucas as personagens que queria ter que não tenho dentro dos quais o Holt (mas isso por ser difícil de encontrar), a Wydowna (a da Comic Con) e a Howleen original.  Eu gosto de alguns outros designs mas o resulta conjunto não ficou consoante as minhas expectativas. 

Organizo estes posts por ordem que tive as bonecas, que mais ou menos coincide com o tempo de lançamento das mesma. Tive a primeira Monster High no Natal de 2010, logo quando saíram e teve de ser encomendada do eBay pois só no Verão seguinte começaram a ser comercializadas em Portugal. 


Lagoona Blue (2010)

A Lagoona é a minha personagem favorita das Monster High. Muito mal a Mattel lhe fez mas a Lagoona sempre manteve aquele encanto e doçura que lhe tanto é característico. Por ser a primeira que tive teve uma magia diferente. Nunca tinha visto uma boneca das Monster High ao vivo e a primeira reacção ao ver o tamanho, a belíssima caixa  (que ainda tenho todas guardadas), aquela loucura de manhã de Natal para apreciá-la, é realmente tudo muito especial. 


 




Frankie Stein (2010)


A Frankie é outra adoração minha. Gosto dela pela sua personalidade e o design overall. No ínicio era a monstrinha mais creepy e acho que foi o encanto que tirei dela. As cicatrizes desenhadas e os minúsculos parafusos era encantadores. Também é a personagem mais icónica, filha do monstro de Frankenstein. E é a personagem que tem o número de bonecas que mais gosto, fiquei com pena quando a Mattel desistiu dos tons escuros e do vermelho para uma via de azul turquesa e amarelo. 









sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Dando Noticias

Já faz mais de um ano que não publico aqui no blogue, e acho que seria injusto para vocês não terem qualquer conhecimento do porquê desta grande ausência. O porquê sinceramente parte de desinteresse meu, não porque não gosto de escrever e de comentar sobre este maravilhoso universo recheado de bonecas e bonecos. Não se preocupem que eu continuo a gostar muitíssimo e acredito que assim sempre o será e tantos vos gostava de falar mas falta-me o tempo.

Última vez que nos "vimos" já estava na faculdade, algo que actualmente continuo já no meu último ano de Licenciatura em Animação. Oui mon amies, esta menina tenciona fazer desenhos animados e contar histórias, e ambiciono de facto embora será uma jornada complicada.

 Rebobinando para trás no tempo, comecei o blogue em Maio de 2011, já lá vão seis anos, tinha lá eu 14 anos, actualmente 20! Estava no oitavo, um ano que me foi difícil, em que falsas amizades fizeram me questionar o que ainda actualmente me define. Foram coisas que já na altura achei idiotas e imaturas mas deprimiram-me, ao ponto de me fazerem pensar que o melhor é estarmos sozinhos, fechados do mundo, seguros na nossa própria e exclusiva atmosfera. Mas felizmente não me influenciaram, pois se assim o fosse nem estaria no curso que estou. Reprimir a criatividade e imaginação das pessoas é ridículo. Mas claro que fiquei cética quanto a novas amizades, pois se estamos sozinhos quem nos pode magoar? As feridas demoram a sarar e foi preciso anos, e talvez sempre serão precisos mas sinto que quem começou este blogue, embora seja a mesma, é muito mais feliz.

Às vezes o que mesmo precisamos é de nos afastar das nossas origens e aprendermos a dar valor a quem somos. Aprender a dar mais valor a quem nos sempre foi importante e deixarmos mostrar aos outros que vale a pena nos conhecer melhor. Neste dois anos que estou em Lisboa criei amizades, amizades que estimo com muito carinho, percebi que não sou nenhuma minoria e apaixonei-me pela primeira vez na vida. Claro que não é fácil ao início estar longe, chorei bastante e senão tivesse a certeza que era isto que certamente queria ter voltado para casa. Mas fez me bem, às vezes o que precisamos é mesmo alguma independencia, podermos errar e aprender com os erros e sermos genuinamente felizes. 

Com isto alerto a quem como eu caiu no erro de se refugiar em si mesmo. Não o façam por muito tempo, sim eu sei que é seguro mas em retrospectiva não vão gostar. Há muita coisa que eu alterava no passado mas também sei que foi preciso para eu estar onde estou e abrir os olhos. Nunca sabemos mesmo se alterar o passado seria para o melhor ou não mas gosto do presente exactamente como está.

Para aqueles que certamente têm perguntas. Eu já não compro bonecas a algum tempo mas se houvesse cá e tivesse imenso dinheiro para gastar acreditem que comprava. Para aqueles que se interessavam pelo meu livro, bem ainda está indo mas já fiz muitas alterações, para melhor e espero que um dia o possam ler. Quanto a trabalhos artísticos e animações  podem consultar o meu behance e se quiserem podem me seguir no instagram.






quinta-feira, 15 de setembro de 2016

My Little Pony - Bonecas Integrity Toys

Uma novidade que queria postar, visto que quanto às Monster High e as Ever After High sem protótipos confidenciais tem sido um bocado aborrecido este Verão, é uma novidade curiosa que já aguardava há um ano por ver. A Hasbro fez uma nova parceria com a Integrity Toys, que produz bonecas estilosas e detalhadas de colecção. Desta vez foi com My Little Pony, lançado seis bonecos inspirados nas póneis.




Um resultado um bocado inesperado, sendo que incrivelmente só fizeram duas raparigas face a quatro rapazes. É uma decisão um bocado estranha, digo isto por que sei que o objectivo deve ser atrair bronys mas eles na maioria não gostam de fashion dolls, por isso não creio que vão ser o público alvo.  Acho até que ao menos deviam inverter as quantidades, sempre achei que bonecas de raparigas, seja com que comprador seja, sempre venderam melhor que de rapazes. Mas independentemente da decisão, os bonecos estão super detalhados e cheios de referências. 

sparkling_stargazer (Inspirada na Twilight Sparkle)

Esta acho que é a que verdadeiramente corresponde a uma visão da Twilight humana. Achei lindissima, os acessórios, especialmente o anél e adorei o toque de azul no lenço e nos sapatos. 




quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Lego - Lego Elves

Já estou à mais de um ano para falar destas preciosidades e decidi falar de forma a distrair um pouco do facto que a minha ilha está em chamas... E vocês devem ficar contentes com dois posts no mesmo dia suponho?  

Algo que eu sempre gostei mas nunca postei foi Legos, eu sempre tive uma certa adoração e adorava montar os do meu pai mas nunca tive algum verdadeiramente meu. Existem sets lindos e cheios de pormenor e até os das Lego Friends têm alguns interessantes mas foi finalmente no ano passado que a Lego lançou um novo género que é exactamente o meu estilo - Lego Elves


É nos proposto um mundo mágico habitado por elfos que controlam os quatro elementos. A querida Naida que controla a água, o girinho Farran que controla a terra, a divertida Azari que controla o fogo e a entusiasmada Aira que controla o ar. Outros elfos temos o Jonny Baker do fogo, o Tidus da água, a Sira da terra, a Skyra do ar e a malvada elfa-bruxa Ragana do fogo. A história começa quando a humana Emily entra no Mundo de Elvendale com um amuleto da sua falecida avó e cria uma amizade com os elfos protagonistas. A primeira história tratou-se da busca pelas chaves para abrir o portal de forma à Emily voltar para casa. Já a segunda, mais complexa, trata-se de salvar a rainha dos dragões e seus bebés dos planos malvados da Ragana. 


Para além da parte criativa ser mesmo fantástica, sejam os cenários, o vestuário e os dragões, adoro mesmo muito as belíssimas ilustrações, foi realmente a primeira coisa que me fez interessar. Os desenhos animados eram um bocado ''lentos'' na primeira temporada mas já na segunda a animação é mais fluída e as histórias mais cómicas e interessantes.  Mas é claro que o foco da Lego é mesmo vender os lindos sets que criaram. Estão divididos em duas ondas por agora, os lançamentos de 2015 e os de 2016.

Quest for the Keys - 2015

Treetop Hideway 

Incluí a Emily, o Farran e a Azari. Continua a ser para mim dos sets mais bonitos, encantei-me logo com a folhagem com cristais, as decorações e a vegetação, mesmo lindo a casa da árvores do grupo.